por-que-ter-plantas-em-casa-veja-os-beneficios.jpeg

Por que ter plantas em casa? Veja os benefícios

Ter plantas em casa é excelente para a decoração, ao trazer mais cor e alegria para o visual dos ambientes, seja em terrários, vasos ou jardins.

Mas também, uma vez que possuem uma série de propriedades naturais que afetam positivamente o seu dia a dia, são responsáveis diretamente por trazer muito mais qualidade de vida para a sua família.

Por essa razão, preparamos este post especial com 5 benefícios que o cultivo de uma ou mais espécies de plantas em casa pode proporcionar para o seu lar. Confira!

1. Melhoram a qualidade do ar

Para começar, é impossível não citar um dos principais benefícios de se ter plantas em casa: a purificação do ar. Afinal, através da fotossíntese diária que fazem, elas retiram o gás carbônico presente no espaço e, em contrapartida, aumentam a quantidade de oxigênio.

Além disso, elas também eliminam as impurezas contidas no ar que são provenientes tanto do seu lar quanto do exterior e são bastante prejudiciais à saúde da sua família, como fumaça de cigarro, gases poluentes, produtos químicos gasosos e alérgenos.

Ainda nesse processo, as plantas desempenham um papel crucial para manter a umidade do ar, pois sugam a água usada em suas respectivas regas e a transferem para a atmosfera, refrescando todo e qualquer espaço.

Mas não acaba aí, já que quando cultivadas na sua residência elas lançam um agradável aroma que deixa sua casa cheirosa e ainda ajudam a reduzir a temperatura interna no seu imóvel, o que é fundamental para o bem-estar e o conforto de todos em dias mais quentes e no verão.

Outro impacto positivo que as plantas oferecem à sua rotina é que elas são capazes de absorver as ondas sonoras de diversos barulhos, sejam eles externos ou internos, o que diminui a presença de ruídos em sua casa.

2. Auxiliam na prevenção de doenças

Como dito há pouco, as plantas umidificam o ar e isso representa uma melhora do nosso sistema respiratório, sobretudo durante o inverno, quando a umidade ambiente pode cair drasticamente e afetar não apenas suas vias respiratórias, mas também as dos seus filhos.

Com isso, reduz-se bastante o aparecimento de uma série de problemas característicos do tempo seco porque elas eliminam do ar a poeira, os pelos de animais e outro agentes que são responsáveis por desencadear uma série de doenças alérgicas, como asma, sinusite, rinite, bronquite, conjuntivite e inflamações na garganta.

3. Proporcionam uma noite de sono com mais qualidade

Outro benefício de ter plantas em casa — e mais especificamente nos quartos — está no efeito positivo delas sobre o nosso sono. Isso porque com a rotina agitada, muitas pessoas acabam enfrentando dificuldades para dormir, seja desenvolvendo insônia ou não tendo todas as 5 fases do sono adequadamente.

Por conta da falta de repouso, elas acabam tendo cansaço prolongado, fadiga, dificuldade para se concentrar e memorizar, excesso de apetite e, claro, estresse — o que apenas prejudica e diminui a qualidade de vida.

Mas se você também passa por isso, saiba que os aromas das plantas, como lavanda, camomila e gardênia, são extremamente eficientes para combater ambos os problemas.

Isso porque quando inalados atuam sobre o seu sistema nervoso liberando os hormônios responsáveis pelo relaxamento, pela sensação de bem-estar e pela diminuição da ansiedade, como a endorfina e a serotonina.

Ou seja, ao longo da noite, elas não apenas purificam e umidificam o ar, mas também induzem você ao sono fazendo com que descanse sem interrupções e recupere as energias para que tenha um dia renovado e muito mais disposto.

4. Repelem o aparecimento de insetos

Além dos benefícios anteriores, algumas espécies de plantas, como a citronela, o manjericão, a hortelã, o alecrim e o crisântemo, possuem uma vantagem extra: são repelentes naturais contra insetos, como formigas, traças, mosquitos e pernilongos.

A razão disso está no aroma que elas liberam que têm efeito tóxico apenas sobre esses bichos, impulsionando-os a manterem distância do ambiente. Com isso, você ganha uma alternativa saudável e prática ao uso de produtos químicos para mantê-los longe de casa, já que estes são nocivos a crianças e animais de estimação.

Devido a essa utilidade, elas podem ser cultivadas em varandas e sacadas de apartamento e, principalmente, em jardins e quintais de casas que ficam mais vulneráveis ao aparecimento e à procriação de insetos por serem espaços quentes e úmidos.

Um dos mais frequentes e incômodos, por exemplo, é o pernilongo, pois a sua picada é capaz de causar uma série de reações alérgicas que desencadeiam pele avermelhada, coceira e inchaço local.

Em casos mais graves, especialmente nos pequenos — que são mais suscetíveis —, é possível desenvolver quadros alérgicos que necessitarão de medicamentos para tratar o problema, como antialérgicos e anti-histamínicos. Por essa razão as plantas se mostram tão versáteis e fundamentais em seu lar.

5. Aumentam o contato com a natureza

Por fim, o hábito de cultivar plantas traz mais do que diversos benefícios ao crescimento e ao desenvolvimento dos seus filhos, sendo fundamental para suscitar no seu lar e na sua rotina familiar outro aspecto essencial na criação das crianças: a importância e o cuidado que devemos ter com o meio ambiente.

Isso porque mesmo que sejam apenas pequenas e poucas espécies, o verde em casa propicia um ambiente de valorização e respeito pela natureza, mostrando aos pequenos a importância de adotarmos um estilo de vida ecologicamente correto e estimulando neles o desejo de preservar e de consumir conscientemente.

Sendo, inclusive, uma forma para eles experimentarem o contato com a terra e aplicarem os conhecimentos aprendidos na escola sobre solo, água e plantio.

Como você leu, ter plantas em casa vai muito além do apelo estético que inúmeras espécies possuem e podem acrescentar à decoração da sua casa. Afinal, elas trazem diversos benefícios reais e importantes para a qualidade de vida da sua família. Por isso, invista no cultivo delas e veja a diferença que farão em sua vida!

E se você gostou deste post, já sabe: assine já a nossa newsletter para receber outras dicas e sugestões fundamentais para ampliar ainda mais o seu estilo de vida saudável e ecologicamente correto!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This