saiba-como-escolher-os-materiais-de-limpeza-para-a-sua-casa.jpeg

Saiba como escolher os materiais de limpeza para a sua casa

Não existe melhor sensação do que ver a sua casa organizada, limpa e com um aroma agradável, não é verdade? Porém, com a rotina de trabalho corrida e os cuidados com os filhos e os animais domésticos, nem sempre essa é uma tarefa fácil.

Para completar, muitos dos materiais de limpeza que você encontra no mercado causam alergias, não são ecologicamente corretos e não estão de acordo com os hábitos saudáveis que você já estabeleceu ou quer adotar em seu lar.

Por todos esses motivos, reunimos algumas dicas para que você adquira produtos que tragam benefícios tanto para a sua residência quanto para o ecossistema. Acompanhe a leitura!

Opte por materiais de limpeza hipoalergênicos

A primeira dica trata de um problema bastante comum para muitos brasileiros: as reações alérgicas causadas pelo uso de um ou mais materiais de limpeza.

Seja pelo simples manuseio, seja pelo contato direto com o produto, há quem apresente irritações na pele, coceiras ou, em casos mais graves, dermatites de contato  uma reação inflamatória que ocorre na pele que pode se tornar recorrente e agravar caso não haja a interrupção do uso da substância causadora.

Pessoas que enfrentam esse problema precisam procurar alternativas que não agridam a sua saúde e permitam higienizar corretamente o seu lar. Justamente por isso, os produtos naturais e hipoalergênicos, livres de substâncias irritantes, são a solução mais indicada. 

Escolha produtos biodegradáveis

Em uma época em que as pessoas se preocupam cada vez mais com o meio ambiente e práticas sustentáveis, é imprescindível escolher materiais de limpeza que sejam naturais, de fontes renováveis e consequentemente biodegradáveis. Ou seja, aquele produtos compostos por componentes que serão facilmente decompostos pela ação bacteriana e não causarão danos à natureza.

Essa decisão é fundamental, porque os itens de limpeza convencionais são produzidos com derivados do petróleo, que são extremamente nocivo ao planeta, e acabam poluindo especialmente os rios, já que costumam ser descartados na água por meio de redes de esgotos que não são devidamente tratados.

Portanto, ao ir às compras, é fundamental averiguar as embalagens de cada produto para verificar se elas indicam se determinado item é natural, livre de petroquímica e biodegradável ou não.

Confira o selo de certificação

Outra prática que pode ajudar na sua rotina é conferir o selo de certificação presente no rótulo do produto.

Selos, como o da IBD certificadora brasileira com atuação internacional garantem que o material escolhido possui ingredientes naturais, isto é, sem petroquímicos que possam provocar danos ambientais e que levem embalagens que privilegiam o uso de matérias-primas renováveis.

Além disso, evitam que produtos alergênicos cheguem até a sua casa. Assim, você coloca a sua saúde em primeiro lugar.

Valorize o uso de produtos concentrados

Uma prática que você também pode adotar na hora da limpeza da sua casa é prezar pelo uso de produtos concentrados. E isso se deve ao seu caráter sustentável, pois eles possuem um custo-benefício vantajoso não apenas para você, mas também para toda a cadeia de produção.

Afinal, menos água é utilizada na fabricação desses produtos concentrados. Além disso, a quantidade de plástico usado nas embalagens é reduzida, o que impacta diretamente na redução da produção de lixo doméstico.

Ainda, os materiais de limpeza concentrados ajudam a reduzir a quantidade de sobras e demandam menos gastos com transporte e energia. Outra característica importante é que, se forem naturais e biodegradáveis, lançam menos componentes químicos nos esgotos e, consequentemente, interferem menos no ecossistema.

Selecione o item correto para cada área

Antes de fazer a lista com os materiais de limpeza de que você precisa, vale a pena conferir quais cômodos da sua casa você arrumará e em quais superfícies serão aplicados os produtos.

Assim, você garante que estará usando o item correto para cada área. Por exemplo, para a limpeza de vidros, o ideal é o uso de limpa vidros, em vez de sabões ou detergentes comuns, que podem provocar manchas ou até riscos nas superfícies.

Para uma higienização mais eficaz e menos prejudicial ao meio ambiente, você pode optar por produtos que contenham álcool etílico e sejam livres de solventes petroquímicos.

Já para aquela faxina no banheiro, aproveite para usar itens com óleos essenciais, como os de pinho e eucalipto, que possuem efeito bactericida e aromatizador, perfeito para manter a sinergia e um clima mais saudável no ambiente.

Produza você mesmo a sustentabilidade

Além das dicas acima, também é viável optar por produzir você mesmo a sustentabilidade em sua casa.

Se você se pergunta como fazer isso, não se preocupe, nós explicamos: é possível substituir os materiais de limpeza que não são biodegradáveis e ainda afetam a sua saúde por produtos naturais.

Você pode, por exemplo, utilizar o vinagre branco para eliminar o odor causado pelas fezes e urina dos animais domésticos, limpar paredes e rejuntes ou mesmo substituir o amaciante na hora de lavar a roupa já que ele amacia as fibras do tecido e ainda retira os resíduos do sabão.

Outros itens do dia a dia que também podem ser aplicados na limpeza da sua casa são o sabão de coco e o bicarbonato de sódio.

O primeiro pode substituir o sabão sintético sem nenhuma dificuldade. Já o segundo pode ser aplicado para higienizar micro-ondas, desentupir ralos, clarear tecidos, atuar na remoção de manchas das roupas ou, então, polir peças de prata.

Para aromatizar a sua casa, deixando o espaço com um odor agradável para as crianças e ainda purificando o ar, você pode usar os óleos naturais, como menta, citronela e lavanda. De quebra, com essa atitude, você ainda promove a sensação de relaxamento e bem-estar em todos os cômodos do seu lar.

Seguindo as nossas sugestões, você aprenderá a comprar apenas materiais de limpeza que tornarão a hora de arrumar o seu lar um momento muito mais agradável e prático. Afinal, os produtos dos quais falamos hoje possuem um alto poder de higienização, não afetam a sua saúde ou a dos seus filhos e ainda são ecologicamente corretos.

E se você gostou de ler mais a respeito de materiais de limpeza, aproveite para compartilhar este post com seus amigos e familiares nas redes sociais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This